COMPLICAÇÕES DA SÍNDROME FALCIFORME

Autores

  • Sisnayra Cavalcante Cardoso Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)
  • Anny Caroline Chaves de Souza Barbosa Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)
  • Stephany Nayara Araújo Pinheiro Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)
  • Larissa Nathyelle Martins Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v5i2.1030

Palavras-chave:

Síndrome falcêmica, complicações da criança ao adulto, profissionais de saúde.

Resumo

O presente artigo de revisão integrativa aborda e ressalta as principais complicações da anemia falciforme da criança ao adulto. A Síndrome Falciforme é uma importante hemoglobinopatia genética, um tipo de patologia peculiar pela produção de eritrócitos com deformidades falcêmicas, que ocasiona complicações como litíase biliar, crise álgica, crise do sequestro esplênico, acidente vascular cerebral isquêmico, alterações oculares, alterações retinianas. Objetivo: Destacar as principais complicações da anemia falciforme na criança, no adolescente e adultos auxiliando os profissionais de saúde na assistência ao paciente que apresenta essa patologia. Metodologia do estudo: Com a utilização do meio de informação acadêmico via internet de artigos encontrados na (BVS) Biblioteca Virtual em Saúde, foram utilizados os seguintes descritores: Anemia falciforme AND complicações, Doença Falciforme, Anemia Falciforme e Complicações. Pesquisados 7.544 artigos relacionados às complicações da anemia falciforme, na qual 11 são abordados no presente trabalho, com a utilização bibliográfica do Manual de Hematologia, autor Hamerschlak, Nelson e no Manejo das complicações agudas da doença falciforme conforme Brunetta et al.  Resultados: As complicações que predominaram em crianças no presente estudo foi a hipertrofia adenotonsilar obstrutiva acometendo mais de 55% e em adolescentes e adultos foram as alterações oculares com mais de 73% dos clientes. Conclusão: Embora a patologia falciforme seja pouco discutida e de grande prevalência no Brasil devido a miscigenação racial, o   presente estudo ressalta as principais complicações causadas pela mesma, tendo as crianças que apresentam uma prevalência de hipertrofia adenotonsilar obstrutiva acima de  55% mostrado no seguinte estudo, na qual  o profissional de saúde deve estar atento a sintomatologia para que haja o tratamento adequado e as informações fornecidas aos pais ou responsáveis sejam adequadas para cada cliente. O adulto portador da anemia falciforme tem como principal complicação alterações oculares 73%, na qual o cuidador deve ter atenção a essas ocorrências.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sisnayra Cavalcante Cardoso, Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)

Acadêmica de graduação em Enfermagem (UNINORTE-AC)

Anny Caroline Chaves de Souza Barbosa, Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)

Acadêmica de graduação em Enfermagem (UNINORTE-AC)

Stephany Nayara Araújo Pinheiro, Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)

Acadêmica de graduação em Enfermagem (UNINORTE-AC)

Larissa Nathyelle Martins, Faculdade Barão do Rio Branco (UNINORTE-AC)

Acadêmica de graduação em Enfermagem (UNINORTE-AC)

Downloads

Publicado

2016-11-01

Como Citar

Cardoso, S. C., Barbosa, A. C. C. de S., Pinheiro, S. N. A., & Martins, L. N. (2016). COMPLICAÇÕES DA SÍNDROME FALCIFORME. Revista Enfermagem Contemporânea, 5(2). https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v5i2.1030

Edição

Seção

Estudos de Revisão: Sistemática ou Integrativa (apenas)