CONCORDÂNCIA ENTRE O ÍNDICE DE MASSA CORPORAL DE QUÉTELET E O DE TREFETHEN NA ESTIMATIVA DO ESTADO NUTRICIONAL DE ESCOLARES

Autores

  • Cleberson Ferreira Graduando em Educação Física pela Universidade do Contestado - UnC.
  • Antonio Roberto Robles Departamento de Educação Física da Universidade do Contestado - UnC.
  • Luis Paulo Gomes Mascarenhas Doutor em Saúde da Criança e do Adolescente. Professor da Universidade Estadual do Centro-Oeste.
  • Valderi Abreu de Lima Mestrando em Educação Física pela Universidade Federal do Paraná.
  • Wallace Bruno de Souza Universidade do Vale do Itajaí - Univali.
  • William Cordeiro de Souza Professor de Educação Física Escolar na Prefeitura do Município de Três Barras - SC.

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v6i3.973

Palavras-chave:

Concordância, Estado Nutricional, Escolares

Resumo

Introdução: Constantemente diversos métodos antropométricos vêm sendo desenvolvidos com o intuito de avaliar o estado nutricional tanto de adultos, quanto de crianças e adolescentes. Objetivo: O presente estudo objetivou-se em verificar o nível de concordância entre o índice de massa corporal (IMC) de Quételet e o de Trefethen na estimativa do estado nutricional de escolares. Métodos: A amostra intencional foi constituída por 113 escolares (48 meninas e 65 meninos) com idades entre 10 e 15 anos, do município de Canoinhas/SC. Para avaliação antropométrica foram coletados os dados de massa corporal e estatura. Através desses foi calculado o IMC, proposto por Quételet (1870) e o IMC sugerido por Trefethen (2013). Para verificar a normalidade dos dados foi utilizado o teste de Kolmogorov-Smirnov. Após, realizou-se a estatística descritiva. O fator de correlação de Pearson (r) foi realizado para verificar as associações entre os métodos. Recorreu-se ao teste Qui-quadrado para verificar as diferenças entre as frequências percentuais. Para analisar o nível concordância entre os métodos foi realizado o método de Bland-Altman (1986). Resultados: Foi observada uma relação muito forte e significante entre as variáveis analisadas (r= 0,98; p= <0,001) com um intervalo de confiança de (IC 95% = 0,97-0,98) e através do método Bland-Altman (1986) pode-se perceber que as variáveis analisadas apresentaram concordâncias entre si. Conclusão: Ao finalizar o estudo, foi verificado que o IMC de Quételet e o de Trefethen apresentam concordância na estimativa do estado nutricional de escolares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cleberson Ferreira, Graduando em Educação Física pela Universidade do Contestado - UnC.

Graduando em Educação Física pela Universidade do Contestado - UnC.

Antonio Roberto Robles, Departamento de Educação Física da Universidade do Contestado - UnC.

Departamento de Educação Física da Universidade do Contestado - UnC.

Luis Paulo Gomes Mascarenhas, Doutor em Saúde da Criança e do Adolescente. Professor da Universidade Estadual do Centro-Oeste.

Doutor em Saúde da Criança e do Adolescente. Professor da Universidade Estadual do Centro-Oeste.

Valderi Abreu de Lima, Mestrando em Educação Física pela Universidade Federal do Paraná.

Mestrando em Educação Física pela Universidade Federal do Paraná.

Wallace Bruno de Souza, Universidade do Vale do Itajaí - Univali.

Universidade do Vale do Itajaí  - Univali.

William Cordeiro de Souza, Professor de Educação Física Escolar na Prefeitura do Município de Três Barras - SC.

Professor de Educação Física Escolar na Prefeitura do Município de Três Barras - SC.

Downloads

Publicado

2016-09-12

Como Citar

Ferreira, C., Robles, A. R., Mascarenhas, L. P. G., Lima, V. A. de, Souza, W. B. de, & Souza, W. C. de. (2016). CONCORDÂNCIA ENTRE O ÍNDICE DE MASSA CORPORAL DE QUÉTELET E O DE TREFETHEN NA ESTIMATIVA DO ESTADO NUTRICIONAL DE ESCOLARES. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 6(3). https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v6i3.973

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)