TERAPIA FÍSICA COMPLEXA NO LINFEDEMA EM PACIENTES APÓS CIRURGIA DE CÂNCER DE MAMA: REVISÃO SISTEMÁTICA

Autores

  • Marcela Augusta Moura de Roma Universidade Salvador (UNIFACS)- Hospital da Cidade/Hospital Geral Roberto Santos
  • Bianca Dantas Martins Pinheiro Universidade Federal da Bahia
  • Daniele Costa Borges Souza Hospital Ernesto Simões Filho - Unidade de Terapia Intensiva / Universidade Federal da Bahia / Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
  • Erika Pedreira da Fonseca Universidade Federal da Bahia
  • Mansueto Gomes Neto Universidade Federal da Bahia
  • Helena França Correia dos Reis Universidade Federal da Bahia

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v6i1.799

Palavras-chave:

Linfedema, Câncer de mama, Terapia física complexa

Resumo

Objetivo: Reunir na literatura evidências sobre a efetividade da terapia física complexa no tratamento do linfedema em pacientes submetidas ao tratamento cirúrgico de câncer de mama. Método: Foram incluídos estudos de ensaios clínicos randomizados, publicados nas bases de dados indexadas no PubMed/Medline, SciELO , utilizando as principais palavras-chave: mastectomia, linfedema, cirurgia de câncer de mama, terapia física complexa, fisioterapia, terapia descongestiva completa e seus correlatos na língua inglesa. A qualidade metodológica dos artigos foi analisada de acordo com componentes individuais de avaliação segundo a cochrane collaboration. Resultados: Foram encontrados três estudos randomizados que comparam a terapia física complexa a outras formas de intervenção em pacientes com linfedema que foram submetidas à cirurgia da mama como forma de tratamento onde, dois artigos evidenciaram a efetividade da terapia física complexa na redução do linfedema. Conclusão: A terapia física complexa isolada parece ser a técnica mais efetiva para o tratamento do linfedema. Mais estudos randomizados e controlados são necessários para permitir a análise e comparação dos resultados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcela Augusta Moura de Roma, Universidade Salvador (UNIFACS)- Hospital da Cidade/Hospital Geral Roberto Santos

Fisioterapeuta graduada pela Universidade Federal da Bahia
Residente em fisioterapia Hospitalar com Ênfase em terapia Intensiva - Universidade Salvador (UNIFACS)-  Hospital da Cidade/Hospital Geral Roberto Santos

Bianca Dantas Martins Pinheiro, Universidade Federal da Bahia

Fisioterapeuta graduada pela Universidade Federal da Bahia

Daniele Costa Borges Souza, Hospital Ernesto Simões Filho - Unidade de Terapia Intensiva / Universidade Federal da Bahia / Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Fisioterapeuta graduada pela Universidade Federal da Bahia
Fisioterapeuta do Hospital Ernesto Simões Filho - Unidade de Terapia Intensiva
Mestranda da Pós graduação em Medicina e Saúde  da Faculdade de Medicina  da Bahia - Universidade Federal da Bahia
Pós-graduanda em Fisioterapia Hospitalar pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Erika Pedreira da Fonseca, Universidade Federal da Bahia

Fisioterapeuta. Mestre em Tecnologias em Saúde pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.
Pós-graduada em Reabilitação Neurofuncional - Faculdade Social.
Formação no Conceito Bobath adulto.
Professora da Universidade Federal da Bahia-  disciplina de Estágio Supervisionado em Fisioterapia Neurológica

Mansueto Gomes Neto, Universidade Federal da Bahia

Fisioterapeuta Mestre em Ciências da Reabilitação - Universidade Federal de Minas Gerais
 Doutor em Medicina e Saúde - Universidade Federal da Bahia
Professor Adjunto I do departamento de Biofunção.
Coordenador do curso de Fisioterapia e professor permanente do Programa de Pós-Graduação em Medicina e Saúde da UFBA.

Helena França Correia dos Reis, Universidade Federal da Bahia

Fisioterapeuta. Mestre em Medicina e Saúde Humana - Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Doutora em Medicina e Saúde Humana
Especialista em Fisioterapia Respiratória pela ASSOBRAFIR - Associação Brasileira de Fisioterapia Cardiorrespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva.
Professora adjunta da Universidade Federal da Bahia, Departamento de Biofunção, Curso de Fisioterapia.

Downloads

Publicado

2016-03-22

Como Citar

Roma, M. A. M. de, Martins Pinheiro, B. D., Borges Souza, D. C., da Fonseca, E. P., Neto, M. G., & Correia dos Reis, H. F. (2016). TERAPIA FÍSICA COMPLEXA NO LINFEDEMA EM PACIENTES APÓS CIRURGIA DE CÂNCER DE MAMA: REVISÃO SISTEMÁTICA. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 6(1). https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v6i1.799

Edição

Seção

Revisões de Literatura

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)