ANÁLISE DA QUALIDADE DE VIDA E DISTÚRBIOS OSTEOMUSCULARES DOS FUNCIONÁRIOS ADMINISTRATIVOS DE UM ÓRGÃO PÚBLICO

Autores

  • Kleber Veríssimo Leão Souza
  • Mansueto Gomes Neto

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v5i3.703

Palavras-chave:

Qualidade de vida, Transtornos traumáticos cumulativos, Saúde do trabalhador, Setor público, Fisioterapia

Resumo

Contextualização: Trabalhadores que exercem atividades administrativas constituem uma população que está diretamente exposta ao risco ergonômico, estando sujeitos ao aparecimento de distúrbios osteomusculares e comprometimento da sua qualidade de vida (QV). Objetivos: Analisar a QV e os distúrbios osteomusculares de funcionários administrativos de um órgão público e verificar se os possíveis distúrbios osteomusculares foram capazes de influenciar na QV dos mesmos. Métodos: Foram coletadas informações sociodemográficas e ocupacionais, além de dados dos Questionários SF-36 - Medical Outcomes Study 36 e Nórdico de Sintomas Osteomusculares (QNSO), que foram analisados com o uso do software SPSS® (Statistical Package for the Social Sciences) for Windows (versão 14.0). Resultados: A amostra foi composta de 100 indivíduos com média de idade de 38 ± 11,6 anos, predominando sexo feminino (76%), solteiros (55%) e com escolaridade média (47%). A Limitação por Aspectos Físicos apresentou a maior pontuação, Dor e Vitalidade as menores pontuações no SF-36. Todos relataram alterações osteomusculares em ao menos uma região, onde a maior parte indicou o punho/mão/dedo (62%) como o segmento corporal mais atingido pelos sintomas osteomusculares nos últimos 12 meses, seguido pelo ombro (59%), pela lombar (57%) e pelo pescoço (56%), respectivamente. Conclusão: Apesar da alta frequência de distúrbios osteomusculares, a QV não foi negativamente afetada, sugerindo que outros fatores são necessários para esse comprometimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kleber Veríssimo Leão Souza

Fisioterapeuta. Especialista em Saúde Pública pela Faculdade Guanambi - FG, Departamento de Pesquisa do Grupo Reabilitar.

Mansueto Gomes Neto

Fisioterapeuta. Doutor em Medicina e Saúde pela Universidade Federal da Bahia - UFBA. Coordenador do curso de Fisioterapia e professor permanente do Programa de Pós-Graduação em Medicina e Saúde da UFBA.

Downloads

Publicado

2015-12-18

Como Citar

Souza, K. V. L., & Gomes Neto, M. (2015). ANÁLISE DA QUALIDADE DE VIDA E DISTÚRBIOS OSTEOMUSCULARES DOS FUNCIONÁRIOS ADMINISTRATIVOS DE UM ÓRGÃO PÚBLICO. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 5(3). https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v5i3.703

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)