DESENVOLVIMENTO MOTOR EM CRIANÇAS PORTADORAS DA SÍNDROME DE DOWN COM O TRATAMENTO DE EQUOTERAPIA

Erika Brack Teixeira Araruna, Stephany Regine Garcia de Lima, Marcelo Prumes

Resumo


A síndrome de Down é uma condição genética causada por alteração no par do cromossomo 21 e que leva a uma distribuição cromossômica inadequada durante a fase da meiose. Cada célula do indivíduo normal possui 46 cromossomos enquanto que na síndrome de Down possui 47 cromossomos. A equoterapia é um tratamento sobre o cavalo e com o cavalo que contribui para o desenvolvimento global do praticante, os estímulos causados pela equoterapia irão intervir no desenvolvimento global dos praticantes. Objetivos: Objetivo do trabalho é de verificar se o tratamento de equoterapia traz benefícios ao desenvolvimento motor para as crianças portadoras de Síndrome de Down. Métodos: Realizou-se uma revisão de literatura utilizando as bases de dados Lilacs, Scielo, Pubmed, Bireme e Medline, com artigos entre os anos de 2000 a 2013. Resultados: Foram encontrados 26 artigos, dentre eles 14 incluídos e 12 excluídos por diferentes motivos. Conclusão: A equoterapia traz benefícios para o desenvolvimento motor da criança portadora de síndrome de Down, para isso, explora os sistemas visual, vestibular, somatossensorial e proprioceptivo, melhorando assim o equilíbrio, será necessária também a manutenção de força muscular e coordenação motora, aperfeiçoando a marcha.


Palavras-chave


Desenvolvimento motor; Síndrome de Down; Equoterapia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v5i2.605

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Revista Pesquisa em Fisioterapia



A RPF foi indexada e/ou catalogada nas seguintes bases de dados:

                                                  

 

Revista Pesquisa em Fisioterapia | ISSN: 2238-2704

Site atualizado em 28/02/2018

Licença Creative Commons