Independência em Avd´s e qualidade de vida em idosos sobreviventes da covid-19 na zona rural de Coroatá-MA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.2022.e4224

Palavras-chave:

Idosos, COVID-19, Qualidade de Vida, Funcionalidade, Fisioterapia, Pós-covid-19

Resumo

Introdução: A COVID-19 é uma doença causada pelo SARS-CoV-2, pertencente a uma família Coronaviridae cujos vírus infectam os animais e, com poucas exceções, podem infectar os humanos. Objetivo: avaliar o nível de dependência nas atividades de vida diária e qualidade de vida em idosos recuperados da COVID-19 na Zona Rural de Coroatá – MA. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal e descritivo com abordagem quantitativa, com recolha de dados através de questionário aplicado aos idosos outrora acometidos por COVID-19. A análise estatística foi realizada por meio do teste T de Student visando a obtenção de amostras independentes. O coeficiente de correlação de Pearson estabelecido entre o índice de Kartz e o questionário SF-36. Resultados: A idade variou de 61 a 86 anos, com média de 70,45 ± 8,15 anos. De acordo com a escala Katz, 85% dos idosos foram caracterizados como independentes nas seis funções apresentadas e 15% apresentaram-se independentes em 5 funções. Na qualidade de vida, os participantes apresentaram uma pontuação média abaixo de 60. A correlação entre o escore do teste SF-36 e do Índice de Katz foi realizada através do teste p de Pearson, e não apresentou diferença estatística significativa (p = 0,599), apresentando o coeficiente de correlação -0,125, considerada uma correlação fraca, segundo a escala de Cohen. Conclusão: Os idosos apresentam um bom nível de funcionalidade segundo a escala de Katz, porém, há um declínio significativo em relação à sua qualidade de vida segundo o questionário SF -36. A fisioterapia é uma alternativa indispensável para a prevenção e reabilitação desses pacientes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Kanmaniraja D, Le J, Hsu K, Lee JS, Mcclelland A, Slasky SE, et al. Review of COVID-19, part 2: Musculoskeletal and neuroimaging manifestations including vascular involvement of the aorta and extremities. Clin Imaging. 2021;79:300-13. https://doi.org/10.1016/j.clinimag.2021.08.003

Devaraj S, Patel PC. Change in psychological distress in response to changes in reduced mobility during the early 2020 COVID-19 pandemic: Evidence of modest effects from the U.S. Soc Sci Med. 2021;270:113615. https://doi.org/10.1016/j.socscimed.2020.113615

Liu K, Chen Y, Lin R, Han K. Clinical features of COVID-19 in elderly patients: A comparison with young and middle-aged patients. J Infect. 2020;80(6):e14-8. https://doi.org/10.1016/j.jinf.2020.03.005

Moreno-Pérez O, Merino E, Leon-Ramirez JM, Andres M, Ramos JM, Arenas-Jiménez J, et al. Post-acute COVID-19 syndrome. Incidence and risk factors: A Mediterranean cohort study. J Infect. 2021;82:378-83. https://doi.org/10.1016/j.jinf.2021.01.004

Organização Pan-Americana da Saúde. Folha informativa sobre COVID-19 [Internet]. OPAS. Disponível em: https://www.paho.org/pt/covid19

Romero DE, Muzy J, Damacena GN, Souza NA, Almeida WS, Szwarcwald CL, et al. Idosos no contexto da pandemia da COVID-19 no Brasil: efeitos nas condições de saúde, renda e trabalho. Cad Saúde Pública. 2021;37(3):e00216620. https://doi.org/10.1590/0102-311x00216620

Zhou F, Yu T, Du R, Fan G, Liu Y, Liu Z, et al. Clinical course and risk factors for mortality of adult inpatients with COVID-19 in Wuhan, China: a retrospective cohort study. Lancet 2020;395(10229):1054-62. https://doi.org/10.1016/S0140-6736(20)30566-3

Wu Z, McGoogan JM. Characteristics of and Important Lessons From the Coronavirus Disease 2019 (COVID-19) Outbreak in China: Summary of a Report of 72?314 Cases From the Chinese Center for Disease Control and Prevention. JAMA. 2020;323(3):1239-42. https://doi.org/10.1001/jama.2020.2648

Banerjee D. 'Age and ageism in COVID-19': Elderly mental health-care vulnerabilities and needs. Asian J Psychiatr. 2020;51:102154. https://doi.org/10.1016/j.ajp.2020.102154

Russell CD, Millar JE, Baillie JK. Clinical evidence does not support corticosteroid treatment for 2019-nCoV lung injury. Lancet. 2020;395(10223):473-5. https://doi.org/10.1016/S0140-6736(20)30317-2

Santana AV, Fontana AD, Pitta F. Pulmonary rehabilitation after COVID-19. J bras pneumol. 2021;47(1):1-3. https://doi.org/10.36416/1806-3756/e20210034

Amaral FLJS, Guerra RO, Nascimento AFF, Maciel ÁCC. Perfil do apoio social de idosos no município de Natal, Estado do Rio Grande do Norte, Brasil, 2010-2011. Epidemiol Serv Saúde [Internet]. 2013;22:335-46. Disponível em: http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1679-49742013000200015

Lino VTS, Pereira SRM, Camacho LAB, Ribeiro Filho ST, Buksman S. Adaptação transcultural da Escala de Independência em Atividades da Vida Diária (Escala de Katz). Cad Saúde Pública. 2008;24(1):103-12. https://doi.org/10.1590/S0102-311X2008000100010

Laguardia J, Campos MR, Travassos C, Najar AL, Anjos LA, Vasconcellos MM. Dados normativos brasileiros do questionário Short Form-36 versão 2. Rev Bras Epidemiol. 2013;16(4):889-97. https://doi.org/10.1590/S1415-790X2013000400009

Batiha GES, Gari A, Elshony N, Shaheen HM, Abubakar MB, Adeyemi SB, et al. Hypertension and its management in COVID-19 patients: The assorted view. Int J Cardiol Cardiovasc Risk Prev. 2021;11:200121. https://doi.org/10.1016/j.ijcrp.2021.200121

Clemente-Suárez VJ, Beltrán-Velasco AI, Ramos-Campo DJ, Mielgo-Ayuso J, Nikolaidis PA, Belando N, et al. Physical activity and COVID-19. The basis for an efficient intervention in times of COVID-19 pandemic. Physiol. Behav. 2022;244(1):113667. https://doi.org/10.1016/j.physbeh.2021.113667

Ding D, Cheng M, Cruz BP, Lin T, Sun S, Zhang L, et al. How COVID-19 lockdown and reopening affected daily steps: evidence based on 164,630 person-days of prospectively collected data from Shanghai, China. Int J Behav Nutr Phys Ac. 2021;18(40):1-10. https://doi.org/10.1186/s12966-021-01106-x

Hamer M, Kivimäki M, Gale CR, Batty GD. Lifestyle risk factors, inflammatory mechanisms, and COVID-19 hospitalization: A community-based cohort study of 387,109 adults in UK. Brain Behav Immun. 2020;87:184-7. https://doi.org/10.1016/J.BBI.2020.05.059

Gomes LO, Costa ALP, Ferreira WAS, Costa AC, Rodrigues GM, Pedra ECP, et al. Qualidade de vida de idosos antes e durante a pandemia da COVID-19 e expectativa na pós-pandemia. Rev Kairós [Internet]. 2020;23(28):9-28. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/index.php/kairos/article/view/50838

Likhvantsev V, Landoni G, Perekhodov S, Chaus N, Kadantseva K, Ermokhina L, et al. Six-Month Quality of Life in COVID-19 Intensive Care Unit Survivors. J Cardiothorac Vasc Anesth. 2021:S1053-0770(21)00708-4. https://doi.org/10.1053/j.jvca.2021.08.036

Chen KY, Li T, Gong FH, Zhang JS, Li XK. Predictors of Health-Related Quality of Life and Influencing Factors for COVID-19 Patients, a Follow-Up at One Month. Front Psychiatry. 2020;11:668. https://doi.org/10.3389/fpsyt.2020.00668

Van den Borst B, Peters JB, Brink M, Schoon Y, Bleeker-Rovers CP, Schers H, et al. Comprehensive Health Assessment 3 Months After Recovery From Acute Coronavirus Disease 2019 (COVID-19). Clin Infect Dis. 2021;73(5):e1089-98. https://doi.org/10.1093/cid/ciaa1750

Souza M, Santos AC, Jordane S, Almeida R, Francielly J, Santos M, et al. Impactos da COVID-19 na aptidão cardiorrespiratória: exercícios funcionais e atividade física. Rev Bras Ativ Fís Saúde. 2020;25:e01e. https://doi.org/10.12820/rbafs.25e0171

Coronago VMM, Bulhões JRSR, Silva LSL. Isolamento social de idosos frente o covid-19: afeto e cuidado em tempos de pandemia. Confluências [Internet]. 2020;22(2):242-59. Disponível em: https://periodicos.uff.br/confluencias/article/view/42986

Dawalibi NW, Anacleto GMC, Witter C, Goularet RMM, Aquino RC. Envelhecimento e qualidade de vida: análise da produção científica da SciELO. Estud Psicol. 2013;30(3):393-403. https://doi.org/10.1590/S0103-166X2013000300009

Sousa MC, Viana JA, Silva RA, Quixabeira AP, Santana MDO, Ferreira RKA. Qualidade de vida de idosos: um estudo com a terceira idade. Temas em Saúde [Internet]. 2019;19(6):362-81. Disponível em: https://temasemsaude.com/wp-content/uploads/2020/01/19619.pdf

Camelo LV, Giatti L, Barreto SM. Qualidade de vida relacionada à saúde em idosos residentes em região de alta vulnerabilidade para saúde de Belo Horizonte, Minas Gerais. Rev. bras. epidemiol. 2016;19(2):280-93. https://doi.org/10.1590/1980-5497201600020006

Sousa MJ, Fernandes D, Oliveira MV, Santos W, Rolim K. Qualidade de Vida de um Grupo de Idosos que Praticam Atividades Físicas no Município de Brejo Santo-CE. EnciBio [Internet]. 2013;9(17):2913. Disponível em: https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/3260

Nicolazi MC, Silva JC, Coelho L, Cascaes AM, Büchele F. Qualidade de Vida na Terceira Idade: um Estudo na Atenção Primária em Saúde. Cogitare Enferm. 2009;14(3):428-62. https://doi.org/10.5380/ce.v14i3.16158

Agostinho MR, Oliveira MC, Pinto MEB, Balardin GU, Harzheim E. Autopercepção da saúde entre usuários da Atenção Primária em Porto Alegre, RS. R. bras. Med. Fam. e Comum. 2010;5(17):9–15. https://doi.org/10.5712/RBMFC5(17)175

Alexandre TS, Corona LP, Nunes DP, Santos JLF, Duarte YAO, Lebrão ML. Incapacidade em atividades instrumentais de vida diária em idosos: diferenças de gênero. Rev Saúde Pública. 2014;48(3):379-89. https://doi.org/10.1590/S0034-8910.2014048004754

Dias EG, Andrade FB, Duarte YAO, Santos JLF, Lebrão ML. Atividades avançadas de vida diária e incidência de declínio cognitivo em idosos: Estudo SABE. Cad Saúde Pública 2015;31(8):1623-35. https://doi.org/10.1590/0102-311X00125014

Publicado

2022-01-28

Como Citar

de Souza e Silva, F. M., Araújo Corrêa Gomes, J., & Nascimento Chaves, P. H. . (2022). Independência em Avd´s e qualidade de vida em idosos sobreviventes da covid-19 na zona rural de Coroatá-MA . Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 12, e4224. https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.2022.e4224

Edição

Seção

Artigos Originais