Intervenção fisioterapêutica em uma criança com coronavírus em um hospital de referência: relato de caso

Autores

  • Jamile Silva de Oliveira Instituto Couto Maia (Salvador)
  • Isis Nunes Veiga Centro Universitário Unifas - Unime e Dom Pedro II (Salvador)
  • Carolina Santos Mota Centro Universitário Dom Pedro II (Salvador)

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v11i1.3380

Palavras-chave:

Fisioterapia. Terapia respiratória. Infecções por Coronavirus. Pediatria.

Resumo

INTRODUÇÃO: Apesar de apresentar-se em menor frequência, os casos graves do COVID-19 podem também afetar a população pediátrica.  Considerando este fato, constata-se a eficácia da fisioterapia, que consiste numa especialidade terapêutica que exerce papel fundamental na prevenção e tratamento de complicações pulmonares. OBJETIVO: Descrever o quadro clínico de uma criança portadora de Cardiopatia Congênita com Coronavírus positivo e abordar a atuação fisioterapêutica pediátrica. MATERIAIS E MÉTODOS: Trata-se de um relato de caso de uma paciente de 5 anos e 11 meses de idade, com diagnóstico antecedente de Cardiopatia Congênita dos tipos: Persistência do Canal Arterial e Comunicação Interventricular. A paciente foi admitida na Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica do Instituto Couto Maia apresentando-se taquicárdica, taquipneica, com saturação periférica de oxigênio (SpO2) de 85% em uso de máscara não reinalante, com aumento do trabalho ventilatório e tosse produtiva ao comando verbal. Ao realizar RT-PCR obteve resultado positivo para o Coronavírus. RESULTADOS: Os dados coletados por meio de análise de prontuário e observação clínica da paciente demonstraram que a intervenção fisioterapêutica, quando contou com técnicas de higiene brônquica, manobras reexpansivas e condutas motoras ativas, contribuiu com a evolução clínica da paciente evidenciando melhora na SpO2 e no desconforto ventilatório.  CONCLUSÃO: As intervenções fisioterapêuticas aplicadas a este perfil de paciente, demonstraram resultados positivos no que diz respeito a melhora das trocas gasosas e desconforto respiratório, bem como parece influenciar a redução do risco de declínio funcional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2021-01-14

Como Citar

de Oliveira, J. S., Veiga, I. N., & Mota, C. S. (2021). Intervenção fisioterapêutica em uma criança com coronavírus em um hospital de referência: relato de caso. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 11(1), 227–232. https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v11i1.3380

Edição

Seção

Relatos de Caso