Usando a técnica de fisioterapia respiratória insuflação seletiva para reversão de Atelectasia em um recém-nascido

Autores

  • Évellin Oliveira Gomes Universidade Federal do Paraná
  • Anne Karoline Santos
  • Thalita Cogrossi Nascimento
  • Marina Carvalho Cavicchia
  • Maria Aparecida Andrade Bazílio
  • Marimar Goretti Andreazza Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v11i1.3286

Palavras-chave:

Prematuro. Atelectasia pulmonar. Modalidades de fisioterapia.

Resumo

INTRODUÇÃO: A atelectasia pulmonar é comum em pacientes internados em unidades de terapia intensiva neonatais, principalmente pela anatomia do recém-nascido e pelas condições clínicas e patológicas a que estão expostos. OBJETIVO: Descrever a eficácia da técnica de fisioterapia respiratória de insuflação seletiva para reverter atelectasia em um único atendimento. RELATO DE CASO: Prematuro de 35 semanas de idade gestacional no sétimo dia de ventilação mecânica invasiva, apresentando quadro de atelectasia pulmonar em lobo superior direito, recebia atendimentos diários de fisioterapia respiratória. CONCLUSÃO: A reversão total da atelectasia em apenas um atendimento foi comprovada por meio radiografia de tórax imediatamente antes e depois da manobra. A paciente foi acompanhada até a alta hospitalar, não ocorrendo nenhum evento posterior de atelectasia, mesmo após a extubação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2021-01-07

Como Citar

Gomes, Évellin O., Santos, A. K., Nascimento, T. C., Cavicchia, M. C., Bazílio, M. A. A., & Andreazza, M. G. (2021). Usando a técnica de fisioterapia respiratória insuflação seletiva para reversão de Atelectasia em um recém-nascido. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 11(1), 222–226. https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v11i1.3286

Edição

Seção

Relatos de Caso

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)