Adaptação transcultural, confiabilidade e validade da versão Kannada do Questionário de Crenças, Medo e Evitação em Dor Lombar Crônica

Ajay Kumar, Kinari Pithadia, Deepak Kumar, Rajasekher Sannasi

Resumo


INTRODUÇÃO: As Atividades da Vida Diária (AVD) entre pessoas com Dor Lombar Crônica (DLC) pode ser determinada pelo Questionário de Crenças, Medo e Evitação (FABQ em inglês) . O FABQ é um questionário de autorrelato válido e confiável que avalia atitudes e crenças do paciente em relação ao efeito da atividade física e dos trabalhos em sua dor lombar. Até a presente data foi traduzido para vários idiomas, mas não está disponível em Kannada. OBJETIVO: Traduzir e estudar a confiabilidade e validade do questionário FABQ para o Kannada (FABQ-KA). MÉTODOS : Tradução e adaptação transcultural realizadas de acordo com os procedimentos recomendados internacionalmente: tradução, síntese, retrotradução, revisão por comitê de especialistas, pré-teste e avaliação por comitê consultivo. A validação de conteúdo foi realizada por um painel de 10 membros pré-identificados que eram especialistas no uso do Kannada e do Inglês. Eles receberam cinco opções, “concordo”, “concordo totalmente”, “neutro”, “discordo” e “discordo totalmente”. As propriedades psicométricas foram testadas pela administração do questionário a uma amsotra com 60 participantes (18 a 75 anos), recrutados por amostragem de conveniência. Para a confiabilidade teste-reteste, as pessoas com DLC foram testadas após uma semana pelo coeficiente de correlação intraclasse (ICC) e a consistência interna foi avaliada pelo alfa de Cronbach (α) . RESULTADOS: As dimensões demográficas , idade, altura, peso e IMC para a amostra de DLC (n = 60) foram 41,50 ± 10,59 (anos), 154,37 ± 10,74 (cm), 62 ± 11,04 (kg) e 25,99 ± 4,47 (kg) / m ) respectivamente, com duração de DLC de 20,35 ± 13,62 semanas. A validade de conteúdo do FABQ-KA pelos 10 especialistas foi considerada, I-CVI de itens individuais de FABQ-KA ≥ 0,80 e o S-CVI geral para equivalência idiomática (S-CVI = 89,9 ± 6,33)%, , semântica equivalente (S-CVI = 93 ± 5,16)% e o conteúdo relevante (S-CVI = 90,7 ± 6,61)%. foram ≥ 0,90 ou (≥ 90%). A confiabilidade teste-teste do FABQ-KA foi boa ( ICC (2,1) = 0,83 ). A consistência interna foi boa (alfa de Cronbach = 0,91 ). CONCLUSÃO: Os processos de tradução e adaptação do FABQ-KA foram bem-sucedidos; o instrumento adaptado demonstrou boas propriedades psicométricas. O FABQ-KA provou ser uma ferramenta confiável e válida e pode ser usado em pacientes que falam Kann ada com CLBP.


Palavras-chave


Adaptação transcultural. Dor crônica. FABQ. Confiabilidade. Validade.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v10i4.3227

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Ajay Kumar, Kinari Pithadia, Deepak Kumar, Rajasekher Sannasi

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

A RPF foi indexada e/ou catalogada nas seguintes bases de dados:

                                                  

 

Revista Pesquisa em Fisioterapia | ISSN: 2238-2704

Site atualizado em 28/02/2018

Licença Creative Commons