Atuação fisioterapêutica no pós-operatório de revascularização miocárdica: revisão sistemática

Autores

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v10i1.2656

Palavras-chave:

Revascularização miocárdica. Exercício físico. Reabilitação.

Resumo

INTRODUÇÃO: A cirurgia de revascularização miocárdica é o principal tratamento para a doença arterial coronariana avançada e se mostra eficaz, porém seu potencial para complicações pós-operatórias interfere diretamente na evolução dos pacientes. Para minimizar os efeitos deletérios da cirurgia, a fisioterapia deve ser iniciada logo que possível. OBJETIVOS: Revisar os conhecimentos a respeito da atuação fisioterapêutica no pós-operatório de revascularização miocárdica. MATERIAIS E MÉTODOS: Constituiu-se de uma revisão sistemática nas bases de dados PubMed, SciELO, BVS e PEDro por meio do cruzamento das palavras-chave revascularização miocárdica, exercício físico e reabilitação. Foram incluídos ensaios clínicos randomizados de origem portuguesa e inglesa, publicados entre 2014 a 2019 que relacionassem a atuação fisioterapêutica no pós-operatório de CRM. Foram excluídos os artigos duplicados, estudos que apresentaram intervenção apenas na fase pré-operatória, que compararam a utilização de métodos farmacológicos ou outros procedimentos cirúrgicos, intenções de pesquisa, inadequação ao tema proposto e score PEDro inferior a 5. RESULTADOS: 12 estudos foram incluídos por preencherem os critérios de elegibilidade. A amostra total foi de 435 pacientes adultos, de ambos os sexos com idades entre 30 e 70 anos. Estes foram submetidos a exercícios aeróbios, anaeróbios e respiratórios, eletroterapia, fototerapia e ventilação mecânica não invasiva. CONCLUSÃO: As condutas comumente realizadas pela fisioterapia na fase de pós-operatório de revascularização miocárdica incluem técnicas relacionadas a fisioterapia respiratória e mobilização progressiva. Dentre as intervenções empregadas o exercício aeróbio tem sido a modalidade com maior número de evidências a respeito dos seus benefícios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Rodrigues Carvalho, Faculdade Uninassau

Acadêmico de Fisioterapia, 10º período. Faculdade Uninassau - Campus Redenção, Teresina-PI.

Izabelle Macedo de Sousa, Faculdade Uninassau - Campus Redenção, Teresina-PI.

Fisioterapeuta pela UESPI, Mestra em Engenharia Biomédica pela UNIVAP - São José dos Campos, pós graduada em Reabilitação cardiopulmonar pelo Instituto de Ensino e Pesquisa Albert Einstein, docente Uninassau, Teresina-PI

Publicado

2020-06-04

Como Citar

Carvalho, A. R., & Sousa, I. M. de. (2020). Atuação fisioterapêutica no pós-operatório de revascularização miocárdica: revisão sistemática. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 10(3), 543–552. https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v10i1.2656

Edição

Seção

Revisões de Literatura

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)