Prevalência de depressão e Síndrome de Burnout em anestesiologistas do centro cirúrgico de hospital escola

Beatriz Cristine Hartman, Letícia Furlan, Ricardo Rasmussen Petterle, Arlete Ana Motter

Resumo


INTRODUÇÃO: A presença de Síndrome de Burnout (SB) e Depressão vêm aumentando devido às rotinas extenuantes vivenciadas pelos anestesiologistas. OBJETIVO: Identificar a prevalência de Depressão e Síndrome de Burnout em anestesiologistas e residentes desta especialidade médica do Centro Cirúrgico de um Hospital. MÉTODO: Estudo transversal, descritivo e exploratório. Participaram da pesquisa 51 profissionais, sendo utilizados dois questionários, ambos autoaplicáveis: os Inventários de Maslach Burnout (MBI) e Depressão de Beck, além de uma breve conversa a respeito da rotina de trabalho dos profissionais. RESULTADOS: Para a SB, verificou-se a presença desta em 3 médicos e 5 residentes. Já para a depressão; encontrou-se níveis de mínima (24 indivíduos), leve (4 indivíduos), moderada (4 indivíduos) e grave depressão (1 indivíduo). CONCLUSÃO: Embora obtido baixos valores para a SB e Depressão grave, é relevante destacar que sinais e sintomas iniciais destas patologias estão presentes em muitos profissionais, sendo que a persistência da rotina em que se encontram pode acentuar a aparição de ambas.

Palavras-chave


Anestesiologistas. Depressão. Burnout. Saúde do trabalhador.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v10i1.2623

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Beatriz Cristine Hartman, Letícia Furlan, Ricardo Rasmussen Petterle, Arlete Ana Motter

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

A RPF foi indexada e/ou catalogada nas seguintes bases de dados:

                                                  

 

Revista Pesquisa em Fisioterapia | ISSN: 2238-2704

Site atualizado em 28/02/2018

Licença Creative Commons