Análise comparativa do nível de dependência funcional de idosos submetidos a artroplastia de quadril: estudo transversal

Autores

  • Jefferson Carlos Araujo Silva Universidade de Brasília - UnB
  • Tamires Barradas Cavalcante Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão - HU-UFMA
  • Neusa Macchado Cabral dos Santos Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão - HU-UFMA
  • Rosane Karine Gonçalves Nascimento Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão - HU-UFMA
  • Ana Clara Lopes Freitas da Costa Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão - HU-UFMA
  • Jeferson Santos Miranda Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão - HU-UFMA

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v8i4.2090

Palavras-chave:

, Idoso. Artroplastia. Quadril. Funcionalidade.

Resumo

INTRODUÇÃO: A Artoplastia de Quadril (AQ) é um procedimento cirúrgico realizado em casos de fratura de colo do fêmur (FF) e osteoartrose de quadril (OQ), e é responsável por causar danos funcionais aumentando o nível de dependência funcional do idivíduo idoso. OBJETIVO: analisar o nível de dependênciaonentre idosos que foram submetidos a AQ. MÉTODOS: indivíduos idosos internados na enfermaria traumato-ortopédica do Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão (HU-UFMA) foram avaliados quanto ao seu nível de dependência funcional através da Medida de Independência Funcional (MIF) e quanto ao nível de dor por meio da Escala Visual Analógica (EVA), tanto no pré quanto no pós-operatório de AQ. Os voluntários foram divididos em grupo A, com diagnóstico de (OQ), e grupo B, com diagnóstico de (FF). O teste t não pareado foi utilizado para comparar os resultados no pré e pós-operatório, adotando-se nível de significância p<0,05. RESULTADOS: um total de 46 idosos compuseram a amostra, 17 (37%) do sexo masculino e 29 (63%) do sexo feminino. O grupo A apresentou menor nível de dependência funcional no pré-operatório em comparação aos sujeitos do grupo B, porém, a avaliação da dor revelou índices maiores para o grupo A no pré-operatório. A análise comparativa dos resultados da EVA no pré e pós-operatório se mostrou estatisticamente significante para ambos os grupos. Os resultados da MIF para o grupo A não foram estatisticamente significantes, para o grupo B, porém, os domínios autocuidados, mobilidade, locomoção e total apresentaram valores estatisticamente significantes. CONCLUSÃO: O grupo A apresentou maiores médias na EVA no pré-operatório e menor nível de dependência funcional pela MIF em comparação ao grupo B, este apresentou as maiores médias de idade e maior presença de co-morbidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2018-11-14

Como Citar

Silva, J. C. A., Cavalcante, T. B., Santos, N. M. C. dos, Nascimento, R. K. G., Costa, A. C. L. F. da, & Miranda, J. S. (2018). Análise comparativa do nível de dependência funcional de idosos submetidos a artroplastia de quadril: estudo transversal. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 8(4), 463–470. https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v8i4.2090

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)