FUNCIONALIDADE, ATIVIDADE E PARTICIPAÇÃO DE IDOSOS COM DOENÇA DE PARKINSON TRATADOS COM EXERGAME: UMA SÉRIE DE CASOS

Alana das Mercês Silva, Isaías Pimentel dos Santos, Daniel Dominguez Ferraz, Karen Valadares Trippo

Resumo


Introdução: A doença de Parkinson (DP) é uma doença crônica degenerativa que acomete os núcleos da base e causa problemas cognitivos, redução da força muscular, instabilidade postural e aumento do risco de quedas. Apesar do reduzido número de estudos, o uso do exergame pela fisioterapia tem-se mostrado benéfico na melhora do equilíbrio, da função motora e da gravidade da doença, em indivíduos com DP. Objetivo: Avaliar o efeito de exercícios funcionais realizados com o uso de exergames na funcionalidade, atividade e participação de pacientes com DP. Metodologia: Consiste em uma série de casos de quatro idosos com Doença de Parkinson Primária (DPP) tratados com Exergame, durante oito semanas. Foi utilizado o KinectAdventures!, com os jogos “Cume dos Reflexos”, “20.000 Vazamentos” e “Corredeiras”, nos níveis básico, intermediário e avançado. Foram realizadas três sessões semanais, com duração de até uma hora. A Whodas 2.0 foi utilizada como critério para avaliação da funcionalidade, atividade e participação. Resultados: A mobilidade foi a função mais comprometida juntamente com a participação, condições comuns em pacientes com DP. Após o tratamento, houve uma redução do valor total da pontuação da Whodas 2.0 de 67,0 (52,5-77) para 45,5 (42-58,5), o que demonstra melhora da capacidade funcional dos participantes. Conclusão: A terapia com exergame mostrouuma resposta positiva na reabilitação dos idosos com DP, promovendo ganhos relacionados à mobilidade e participação do indivíduo.


Palavras-chave


Doença de Parkinson; funcionalidade; videogame; exergames; Fisioterapia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v7i4.1583

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Alana das Mercês Silva, Isaías Pimentel dos Santos, Daniel Dominguez Ferraz, Karen Valadares Trippo

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

A RPF foi indexada e/ou catalogada nas seguintes bases de dados:

                                                  

 

Revista Pesquisa em Fisioterapia | ISSN: 2238-2704

Site atualizado em 28/02/2018

Licença Creative Commons