IMPACTO DOS EXERCÍCIOS HIPOPRESSIVOS NA QUALIDADE DE VIDA DA MULHER COM INCONTINÊNCIA URINÁRIA DE ESFORÇO

Fabiane dos Santos Ribeiro, Maiara Guerra Valente, Fernanda Ferreira Lorenz, Erica Feio Carneiro Nunes, Gustavo Fernando Sutter Latorre

Resumo


Introdução: A incontinência urinária (IU) afeta uma parte significativa da população feminina e tem impacto direto na qualidade de vida (QV). O avanço científico abriu espaço para novos tratamentos. Objetivo: Verificar o impacto do tratamento com exercícios abdominais hipopressivos (EAH) no aumento da força muscular dos músculos do assoalho pélvico (MAP) e a relação com a QV de mulheres com IU de esforço. Método: Estudo do tipo quase-experimental não controlado, com um grupo de seis mulheres no período pós-menopausa submetidas a um tratamento com EAH por 4 semanas. A força muscular dos MAP foi verificada por meio de equipamento de biofeedback pressórico e da escala de Ortiz, e o impacto sobre a QV por meio do King’s Health Questionnaire (KHQ), no primeiro e último encontro. Resultados: O domínio impacto do KHQ apresentou diminuição significativa na média dos escores após o tratamento (p=0,04), significando melhora na qualidade de vida das pacientes. Houve melhora nos escores dos sintomas polaciúria, noctúria e IU durante a relação sexual. Foi verificado aumento na força dos MAP após o tratamento por ambos os instrumentos (p=7,0 ± 3* no pré e p=43,7 ± 4* no pós). À análise da correlação entre os domínios do questionário e os valores do biofeedback apresentou significação apenas no domínio Limitações sociais (p<0,001) na primeira avaliação. Conclusão: O tratamento com a EAH tem efeito positivo na QV de mulheres com IU de esforço no período pós-menopausa. Uma amostra maior seria relevante para obtenção de dados mais consistentes.


Palavras-chave


Qualidade de vida. Assoalho pélvico. Incontinência Urinária por esforço

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v7i4.1520

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Fabiane dos Santos Ribeiro, Maiara Guerra Valente, Fernanda Ferreira Lorenz, Erica Feio Carneiro Nunes, Gustavo Fernando Sutter Latorre

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

A RPF foi indexada e/ou catalogada nas seguintes bases de dados:

                                                  

 

Revista Pesquisa em Fisioterapia | ISSN: 2238-2704

Site atualizado em 28/02/2018

Licença Creative Commons