TERAPIA MANUAL NO TRATAMENTO DA DISMENORREIA PRIMÁRIA: REVISÃO SISTEMÁTICA

Autores

  • Liziane Estrela Estrela Pinho Universidade Federal da Bahia http://orcid.org/0000-0002-0837-8222
  • Alana Karina Santos Monteiro
  • Asley Gomes Pimenta
  • Adriana Saraiva Aragão dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v7i2.1327

Palavras-chave:

Dismenorreia, manipulações musculoesqueléticas

Resumo

Introdução: No decorrer do período fértil, aproximadamente mais de um milhão de mulheres apresentam um episódio de doença inflamatória pélvica aguda e mais de 100.000 mulheres desenvolvem a infertilidade como consequência desta. A dismenorreia primária é um fenômeno fisiológico doloroso, espasmódico, descrito como cólicas na parte inferior do abdome, pouco antes e/ou durante o período menstrual. Dentre as práticas não farmacológicas, as técnicas da terapia manual, apresentam efeitos significativos no tratamento da dismenorreia primária. Este estudo tem como objetivo reunir evidências científicas a fim de identificar os possíveis impactos da Terapia Manual no tratamento da dismenorreia primária. Materiais e Métodos: Revisão Sistemática de Literatura incluindo ensaios clínicos controlados randomizados das Bases de Dados LILACS, PubMed, PEDro, Bireme e Cochrane. Resultados: Foram encontrados 55 artigos, dos quais 3 corresponderam aos critérios de inclusão. As variáveis de interesse do estudo foram: intensidade da dor, duração da dor, nível de ansiedade, percepção de dor na região lombar, limiar de dor a pressão, níveis de adrenalina, noradrenalina, serotonina, dopamina e descompressão da articulação sacrilíaca. Conclusão: Esta pesquisa sugere que a terapia manual atua de maneira benéfica no tratamento da dismenorreia primária, apresentando melhora em todas as variáveis estudadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Liziane Estrela Estrela Pinho, Universidade Federal da Bahia

Atualmente encontra-se em processo de graduação no curso de Fisioterapia na Universidade Federal da Bahia - UFBA. Formada em Reeducação Postural Global com Centralização Integrada - Qualitus Saúde. Presidente da Liga Acadêmica de Fisioterapia Manipulativa (LAFIMA). Membro Efetivo da Liga Acadêmica de Saúde Feminina (LASF). Integrante ativa do Grupo de Pesquisa em Fisioterapia Pélvica - FIPE UFBA.

Downloads

Publicado

2017-05-29

Como Citar

Estrela Pinho, L. E., Santos Monteiro, A. K., Pimenta, A. G., & Aragão dos Santos, A. S. (2017). TERAPIA MANUAL NO TRATAMENTO DA DISMENORREIA PRIMÁRIA: REVISÃO SISTEMÁTICA. Revista Pesquisa Em Fisioterapia, 7(2), 224–232. https://doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v7i2.1327

Edição

Seção

Revisões de Literatura

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)