PREVENÇÃO DO CÂNCER DE COLO UTERINO: MOTIVOS QUE INFLUENCIAM A NÃO REALIZAÇÃO DO EXAME DE PAPANICOLAOU

Autores

  • Anna Cecilia Soares Santos Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
  • Claudete Dantas da Silva Varela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v4i2.692

Palavras-chave:

Câncer de Colo de útero, Prevenção, HPV, Papanicolau

Resumo

Tendo em vista que o câncer de colo uterino é uma das causas mais importantes de morbidade feminina no Brasil, um dos grandes desafios dos países em desenvolvimento é a ampliação dos programas de prevenção e detecção precoce. O câncer de colo de útero é uma neoplasia que apresenta elevada taxa de incidência e de mortalidade, passível de detecção precoce e de cura quando realizado diagnóstico em seu início. Vários são os fatores de risco que levam ao acometimento desse tipo de neoplasia, tendo o HPV como principal causa. Este estudo teve como objetivo descrever a importância do exame preventivo e os motivos que levam algumas mulheres a não realizarem o mesmo. Para a elaboração deste trabalho de revisão de literatura foram realizadas buscas em artigos científicos, livros e manuais que descrevessem o câncer, o exame preventivo, e a importância de sua realização para uma redução na incidência de novos casos. Os resultados mostram que a falta de adesão ao preventivo pela população feminina deve-se a fatores como o desconhecimento do câncer uterino, do exame e da sua realização, medo e vergonha e outros de ordem pessoal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anna Cecilia Soares Santos, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Claudete Dantas da Silva Varela, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Downloads

Publicado

2016-03-08

Como Citar

Soares Santos, A. C., & Dantas da Silva Varela, C. (2016). PREVENÇÃO DO CÂNCER DE COLO UTERINO: MOTIVOS QUE INFLUENCIAM A NÃO REALIZAÇÃO DO EXAME DE PAPANICOLAOU. Revista Enfermagem Contemporânea, 4(2). https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v4i2.692

Edição

Seção

Estudos de Revisão: Sistemática ou Integrativa (apenas)