Educação clínica em enfermagem: desenvolvimento de uma casa simulada para a operacionalização de visita domiciliar

Autores

  • Thiago da Silva Curso de Enfermagem, Complexo de Ensino Superior Meridional (IMED), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. http://orcid.org/0000-0002-1308-3031
  • Aline Carla Hennemann Curso de Enfermagem, Complexo de Ensino Superior Meridional (IMED), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. http://orcid.org/0000-0002-3234-3644
  • Thamires Souza Hilário Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. http://orcid.org/0000-0003-3755-7569
  • Denise Greff Machado Núcleo de Alta Performance Docente e Discente, Qualidade Acadêmica, Laureate, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. http://orcid.org/0000-0001-7004-5595
  • Adroaldo Lunardelli Laboratório de Patologia Clínica, Hospital São Lucas (HSL), Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. http://orcid.org/0000-0003-2682-131X

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v10i2.3818

Palavras-chave:

Ensino. Simulação. Aprendizagem. Atenção primária à saúde. Visita domiciliar.

Resumo

OBJETIVO: Relatar a construção de uma casa simulada para implementação de cenários de alta fidelidade na realização de visita domiciliar pelos acadêmicos de Enfermagem com vistas à atenção primária à saúde. MÉTODO: Relato de experiência de professores realizado no período de março de 2019 a novembro de 2020. RESULTADO: A casa simulada exigiu esforço na montagem de sua infraestrutura física, pois conta com acústica controlada, equipamentos para gravação, espelho semitransparente e mobiliário funcional. O cenário implementado trata de um atendimento de um paciente com deficiência auditiva e que apresenta hipertensão arterial. Foi utilizado, também, um aplicativo para telefone móvel que auxilia na linguagem de sinais pode ser considerada como algo funcional e proveitoso. CONCLUSÃO: O cenário estruturado apresentado mostra uma maneira elegante de trabalhar as visitas domiciliares com os estudantes, que poderão exaurir seus esforços em um ambiente controlado para dilatar suas habilidades e tornarem-se regentes de qualidade quando chegado o momento da atuação profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2021-08-18

Como Citar

da Silva, T., Hennemann, A. C., Souza Hilário, T., Greff Machado, D., & Lunardelli, A. (2021). Educação clínica em enfermagem: desenvolvimento de uma casa simulada para a operacionalização de visita domiciliar. Revista Enfermagem Contemporânea, 10(2). https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v10i2.3818

Edição

Seção

Relatos de Experiência