Conhecimento, atitude e prática de adolescentes escolares em relação ao uso do preservativo masculino

Autores

  • Joyce Mazza Nunes Aragão Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA
  • Hiara Rose Moreno Amaral Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA
  • Francisco Willian Melo de Sousa Universidade da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA
  • Eliany Nazaré Oliveira Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA
  • Maristela Inês Osawa Vasconcelos universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v10i1.3446

Palavras-chave:

Saúde do Adolescente. Preservativos. Conhecimentos. Atitudes e Prática em Saúde. Comportamento sexual.

Resumo

OBJETIVO: Avaliar conhecimentos, atitudes e práticas de adolescentes escolares em relação ao preservativo masculino, como método contraceptivo de primeira escolha para os adolescentes. MÉTODO: Estudo com abordagem quantitativa, realizado com 143 adolescentes de uma escola estadual de ensino médio, no perído de outubro a novembro de 2019. Para a coleta de dados, aplicou-se o inquérito Conhecimento, Atitude e Prática (CAP) sobre o uso do preservativo masculino. RESULTADOS: Evidenciou-se que 133 (93%) dos adolescentes apresentaram conhecimento inadequado, 105 (73,4%) atitude inadequada e 130 (90,9%) prática inadequada a respeito do uso do preservativo masculino. Esses desfechos se mostram preocupantes, uma vez que a atividade sexual na adolescência está cada vez mais precoce, gerando, também, maior exposição a riscos, como IST/HIV/Aids e gravidez indesejada, principalmente quando esta prática é realizada sem uso ou com uso inadequado do preservativo.CONCLUSÃO: As fragilidades nas informações obtidas pelos adolescentes refletem o conhecimento inadequado pela quase totalidade deles, seguidas pela atitude e prática inadequadas quanto ao uso do preservativo masculino. Dessa forma, visualiza-se a necessidade de potencializar estratégias educativas, com intuito de ampliar o conhecimento de adolescentes acerca do uso do preservativo masculino e, consequentemente, desenvolver prática adequada desse método contraceptivo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Joyce Mazza Nunes Aragão, Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente do Curso de Enfermagem da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Hiara Rose Moreno Amaral, Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Graduanda em Enfermagem da Universidade da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Francisco Willian Melo de Sousa, Universidade da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Graduando em Enfermagem da Universidade da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Eliany Nazaré Oliveira, Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente do Curso de Enfermagem da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Maristela Inês Osawa Vasconcelos, universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente do Curso de Enfermagem da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Publicado

2021-03-31

Como Citar

Aragão, J. M. N., Amaral, H. R. M., Sousa, F. W. M. de, Oliveira, E. N., & Vasconcelos, M. I. O. (2021). Conhecimento, atitude e prática de adolescentes escolares em relação ao uso do preservativo masculino. Revista Enfermagem Contemporânea, 10(1), 67–78. https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v10i1.3446

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)