VIVÊNCIA DE MULHERES EM SITUAÇÃO DE PRISÃO QUANTO A ASSISTÊNCIA RECEBIDA NO CICLO GRAVÍDICO PUERPERAL

Hanna Paula da Silva dos Santos, Rebeca Cardoso Gazineu, Tânia Christiane Ferreira Bispo

Resumo


A população nacional carcerária feminina vem crescendo expressivamente, mas ainda nota-se que há uma ausência de políticas públicas efetivas a esta demanda. Dentro dessa população crescente de mulheres, muitas têm obtido a experiência de gestar e parir em situação prisional. O presente estudo teve como objetivo compreender a vivência de mulheres em situação de prisão quanto à assistência recebida no ciclo gravídico puerperal. Tratou-se de uma pesquisa de campo, de caráter qualitativo, no qual foram realizadas 06 entrevistas com mulheres que vivenciaram o ciclo gravídico puerperal em situação de prisão, em um complexo penitenciário da cidade de Salvador/BA. Por se tratar de um recorte de um projeto maior, já se encontrava aprovado pelo Comitê de Ética com parecer de número 346.920. Os resultados obtidos evidenciaram que a experiência vivenciada pela população feminina em situação de prisão, quanto ao acompanhamento durante o ciclo gravídico puerperal dentro da instituição, demonstrou precariedade da assistência voltada para consultas médicas, transporte, alimentação e aporte de medicamentos. Já no âmbito hospitalar, revelou-se uma assistência efetiva, sem demonstração de discriminação, tendo maior acessibilidade de atendimento. Diante dessa perspectiva, torna-se indispensável à reavaliação da qualidade da assistência proporcionada a essas mulheres, durante o ciclo gravídico puerperal, garantindo um atendimento humanizado, assegurando a peculiaridade no processo do nascimento, preservando os seus direitos, sua autonomia e influenciando a participação ativa durante todo o período.

Palavras-chave


: Saúde da Mulher; Prisões; Direitos Humanos; Gestantes; Assistência à Saúde.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2317-3378rec.v6i2.1291

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Hanna Paula da Silva dos Santos, Rebeca Cardoso Gazineu, Tânia Christiane Ferreira Bispo

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Esta revista foi indexada e/ou catalogada nas seguintes bases de dados:

DOAJ          ROAD          FUNADESP                    

 

Revista Enfermagem Contemporânea | ISSN: 2317-3378

Site atualizado em 03/01/2020

Licença Creative Commons