DA SOCIEDADE DE CONSUMO AO SUJEITO CONSUMIDO

Autores

  • Marco Correa Leite PUC-Pr

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3394rpds.v6i3.1440

Palavras-chave:

Psicanálise, Contemporaneidade, Consumismo

Resumo

Este artigo pretende discutir as relações humanas na contemporaneidade pela ótica psicanalítica, bem como as perspectivas de subjetivação dos indivíduos contemporâneos. Articula-se a visão de mundo e de homem a partir da psicanálise com pensadores e teóricos da sociedade para chegar ao ponto de compreender alguns motivos pelos quais os seres humanos têm se relacionado com o outro como objeto de consumo - mercadoria, e não como objeto no sentido de troca afetiva, tal qual compreendemos os vínculos afetivos a partir da psicanálise freudiana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marco Correa Leite, PUC-Pr

Mestre em Psicologia pela Universidade Estadual de Maringá, Coordenador do curso de Especialização em Psicoterapia Psicanalítica da Unifil e docente da graduação em Psicologia da PUC-Pr.

Downloads

Publicado

2017-08-24

Como Citar

Leite, M. C. (2017). DA SOCIEDADE DE CONSUMO AO SUJEITO CONSUMIDO. Revista Psicologia, Diversidade E Saúde, 6(3), 181–194. https://doi.org/10.17267/2317-3394rpds.v6i3.1440

Edição

Seção

Estudos Teóricos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)