[1]
J. R. dos Santos, “O Outro, do outro lado do espelho: o gênero não inteligível”, Rev Psi Divers Saúde, vol. 7, nº 2, p. 322–329, jul. 2018.