Avaliação do perfil dos fatores de risco para Acidente Vascular Cerebral: estudo observacional

Tassiane Maria Alves Pereira, Janaina de Moraes Silva, Silmar Teixeira, Marco Orsini, Victor Hugo do Vale Bastos

Resumo


INTRODUÇÃO: Observa-se um crescimento significativo na incidência de casos de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Isto deve-se ao aumento da longevidade estando a idade entre um dos fatores mais relevantes ao desenvolvimento da doença. OBJETIVO: Identificar o perfil dos fatores de risco que predispõe o surgimento do Acidente Vascular Cerebral em frequentadores de um parque em Teresina-PI. MATERIAIS E MÉTODOS: Trata-se de um estudo observacional do tipo transversal realizado com 117 pessoas frequentadores de um parque localizado em Teresina-PI, estipulando os seguintes critérios de inclusão: ter idade igual ou maior a 18 anos; assinar o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido  e frequentarem as atividades desse espaço recreativo. A coleta de dados deu-se através de questionário com 18 questões objetivas fechadas sobre os fatores de risco predisponentes ao surgimento de AVC incluindo informações sobre o conhecimento desses fatores e ainda, peso, altura, idade, Índice de Massa Corporal (IMC) e Pressão Arterial (PA) dos participantes. RESULTADOS: O estudo evidenciou um perfil de pessoas com idade de 18 a 30 anos, sexo feminino com IMC normal, que prevalecem os fatores de risco como estresse (49%), sedentarismo (44%), sexo (43%), consumo de álcool (40%), dislipidemia (12%), obesidade (10%), hipertensão arterial (8%), cardiopatia (6%), diabetes (3%) e o tabagismo (2%). CONCLUSÃO: Observou-se um perfil de pessoas com faixa etária de 18 a 30 anos, do sexo feminino e com IMC normal que apresentam fatores de risco vasculares modificáveis que podem estar associados a maus hábitos e falta de informações relacionadas a esses problemas de saúde. Dessa forma, tornam-se necessárias medidas preventivas com o intuito de promover ou intensificar a promoção de saúde visando à informação, o acompanhamento e o controle desses fatores, proporcionando a população em geral um envelhecimento saudável.

Palavras-chave


Acidente Vascular Encefálico. Fatores de risco. Epidemiologia.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2238-2704rpf.v9i1.2218

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Tassiane Maria Alves Pereira, Silmar Teixeira, Marco Orsini, Victor Hugo do Vale Bastos, Janaina de Moraes Silva

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

A RPF foi indexada e/ou catalogada nas seguintes bases de dados:

                                                  

 

Revista Pesquisa em Fisioterapia | ISSN: 2238-2704

Site atualizado em 28/02/2018

Licença Creative Commons